Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coaching para Controlo de Peso

um blog para ler e aprender sobre uma ainda mais eficaz gestão de vida e do peso...

Coaching para Controlo de Peso

um blog para ler e aprender sobre uma ainda mais eficaz gestão de vida e do peso...

14
Dez07

Não assinar tal petição (contra ASAE)

Madalena Munõz
Conversa por email entre 3 primos...:-)

 

Boa prima Madalena, finalmente uma voz esclarecida!

 

Se soubessem o que se passa em 95% das cozinhas dos restaurantes deste país percebíamos o sentido da nova legislação. Esta corrente anti ASAE, baseada num artigo demagógico do A Barreto é uma farsa. A ASAE não tem culpa nenhuma disto. A responsabilidade é do legislador. E a legislação tem uma flexibilidade imensa. Eu conheço-a muitíssimo bem (estou a implementar a norma ISO 22000 no meu estamine). As bolas de Berlim vão continuar a existir…. Por favor não caiam nesta “cantiga do ceguinho” que serve apenas para prolongar a vida dos restaurantes cujas cozinhas estão imersas na mais profunda imundice e que urgem ser seladas com a prisão imediata dos seus donos.

 

Beijinhos do primo Xico

 

 

 


De: Madalena Muñoz - NUTRICIONISTA [mailto:nutricionista@madalenamunoz.com]
Enviada: sexta-feira, 14 de dezembro de 2007 14:25
Para: Leonor
Assunto: Re: Assinem esta Petição, a ASAE quer dar cabo de qualquer tradição portuguesa, é de mais

 

Leonor, entendo perfeitamente que você e muitas centenas de pessoas se apressem a assinar e a divulgar esta petição.

Li-a com atenção mas li coisas vagas e opinionados (com "achismos", apelando à emoção)

 

Ou seja, emocionalmente toca-me.

Apela a mais bom senso do que fanatismo -- e isto é sempre bom!!!!!

Contudo, de que se fala EXACTAMENTE? Uma petição tem de ser muito clara naquilo que "PEDE".

 

Ou seja, concerteza que esta não é uma petição para acabar com a interdição de 1) venda de bolas de berlim nas praias 2) uso de chávenas para café, 3) venda de produtos frescos nos cafés. Mas são os 3 exemplos que dá e que é um dos motivos por esta se tornar uma petição "emocional" (porque causa revolta de indignação: porque é um hábito nosso a bela da bica, e porque as bolas nos faz lembrar a Praia Grande/etc. de quando eramos pequenos... e como pode isso de repente acabar...?)

 

De resto, esta petição explica vagamente o que a ASAE pretende, e com um tom de "boato", e maledicência, se é que me entende. Lá está, a parte emocional a reagir... Se tivessemos em cima da mesa toda a informação, ajudava a decisão. Não seria esta petição mais eficaz, se mostrasse exactamente o que a ASAE pretende fazer - ter um link para essas "supostas regras comunitárias"? Depois acusa a ASAE de não ter cuidados ambientais, quando, de novo, não sabemos o que se pretende nem porquê, exactamente. Assim ninguém pode colocar a hipótese de haver algum mérito nestas medidas da ASAE.

 

Sobre as regras, acrescenta: "que não parecem estar em vigor em mais nenhum país da União Europeia". Ao dizer isto até parece que sermos os únicos é algo de mau! Pois! Não estamos habituados a ser pioneiros, e isso se calhar causou estranheza no autor.  "Além dos duvidosos e obsessivos principios higiénicos" -- ora isto é uma OPINIÃO do autor, um discurso totalmente desapropriado para uma petição -- que deve ser factual. (Se calhar em casa do autor, a porcaria é imensa, e por isso ele achar que tudo é obsessivo.) Temos de ter cuidado com estas posições subjectivas.

 

 

Nem tanto ao mar, nem tanto à terra, mas em geral, a ASAE faz-nos a todos um enorme favor em impôr regras de higiene alimentar que são tão precisas em Portugal!!!!! Pois que não se pretende nem destruir o ambiente nem descaracterizar a gastronomia ou hábitos alimentares dos portugueses - salvo sejam para um bem maior, e com uma explicação que deve ser dada! Se as pessoas ouvirem a explicação dessas regras talvez aceitem algumas medidas com mais facilidade (ou não, mas na mesma essa explicação devia ser ouvida/entendida).

 

No que toca ao "comer e encher o bandulho" somos muita nacionalistas.... :-) Venha lá o pão com torresmos mesmo que estes tenham estado horas ao ar e o pão cortado ao meio com as mãos sujas da casa de banho (sem água quente nem sabão) e que mexeu em dinheiro o dia todo com as unhas negras e amarelas do tabaco que vai fumando e... como cortar um pão ao meio a pessoa só espalma a mão todinha no pão, também... já dizia o povinho: o que não mata engorda! Mas temos de evoluir do povinho sujinho... sem fanatismos if possible... para um povinho limpinho.

 

 

Just my opinion...

 

Beijocas

Prima Madalena

 

 

 

----- Original Message -----

From: Leonor

Sent: Friday, December 14, 2007 1:08 PM

Subject: FW: Assinem esta Petição, a ASAE quer dar cabo de qualquer tradição portuguesa, é de mais

 


Subject: [ogm_pt] Petição pela tradição alimentar portuguesa

Estimado amigos e amigas,

Esta mensagem refere-se a uma petição online dirigida ao nosso Ministro da Economia, sobre a estratégia seguida pela ASAE, que vos quero apresentar:
http://www.petitiononline.com/naoasae/petition.html

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Bem vindos!

Bem vindos ao maravilhoso mundo do coaching!
Coaching é acção acompanhada para rápidos resultados.


Questões sobre Life Coaching e marcação de sessões? Aqui

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D